O Mercado de Queijos Holandês – entre queijos , tulipas e moinhos de vento

Por Carla Reis

Falar do comércio de queijos na Holanda, realmente merece um post à parte , como o famoso mercado de queijos da cidade de Gouda. Estes mercados são muito comuns em todo o país e vale a pena uma bate-volta à Gouda , que fica pertinho de Amsterdan.

Esta tradição começou a no mínimo 8 séculos atrás , quando os produtores de queijos da região , vinham as sextas-feiras à cidade para vender os queijos fabricados em suas propriedades.

Os queijos eram levados em uma espécie de “maca” de madeira pelos transportadores de queijos chamados de kassdragers, vestidos com seus trajes típicos e chapéus coloridos. Eram separados no chão de acordo com o tipo do produto  ou pela cor da casca que variava de amarelo , laranja até vermelho ( daí a tradição de colocar os queijos brasileiros tipo prato em embalagens laranjas e vermelhas ).

Uma vez separados, iniciava-se um ritual de negociação do preço, e quando o acordo era fechado, os mercadores e compradores  batiam as mãos e aos gritos divulgavam o preço acordado. Estava finalizada a negociação!

Os queijos seguiam então nas mesmas macas para a Casa de Pesagem e somente depois de pesados eram transportados pelos compradores.

As macas como na foto, continuam em uso até hoje nos mercados holandeses e eles preservam o ritual de negociação e pesagem. Os queijos ficam expostos no chão aguardando a compra – pode acreditar !!!

Outras cidades holandesas como Edam e Alkmaar ( o mais famoso da Holanda )  também mantém seus mercados semanalmente para negociação dos queijos.

É muito interessante ver como os holandeses preservam a cultura de séculos e procuram manter viva esta tradição: apesar de turístico, a finalidade do mercado de Gouda é realmente para que os produtores possam divulgar seus produtos , o que movimenta de forma importante e mantém em destaque a economia holandesa e sua tradição leiteira.

Fiquei tentada a comprar uma peça, mas me contive , afinal minha mala já estava com peso suficiente e os hotéis de Amsterdan não tem elevador ( pelo menos na região que fiquei ) e trouxe apenas os queijos comprados na loja local.

Mas não resisti aos souvenirs : chaveiros , tábuas e facas de queijos  stroopwafel quentinho e sementes de tulipa …Afinal , não existe parte da Holanda sem moinhos de vento , queijos e muitas tulipas. Gouda não seria diferente!!!

Anúncios

2 respostas em “O Mercado de Queijos Holandês – entre queijos , tulipas e moinhos de vento

    • Oi Iracema,
      Na Holanda o queijo mais tradicional é o gouda.
      O queijo prato brasileiro foi inspirado no gouda holandês.
      Já queijos mais parecidos com a mussarela são mais comuns na Itália que na Holanda .

      Abraços Carla

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s